Inscrições para o Edital Natura Musical 2022 estão abertas

Nesta edição, a plataforma cultural vai oferecer pela primeira vez patrocínio para projetos brasileiros em intercâmbio com países latino-americanos.

O Edital Natura Musical 2022 abre as inscrições a partir desta quarta-feira (17) a 9 de setembro, até às 17h. A plataforma de cultura da Natura neste ano traz como novidade a criação da categoria Música Brasileira na América Latina. No total, serão disponibilizados 6 milhões de reais. Os interessados poderão participar inscrevendo novos projetos no site, acesse aqui.


A categoria Música Brasileira na América Latina busca conectar artistas e bandas, que já possuem reconhecimento de crítica, público e mercado no Brasil. A plataforma cultural pretende inseri-los na cena de outros países, principalmente com os países da América Latina, que a Natura tem atuação como Argentina, Chile, Colômbia, México e Peru, seja por meio de circulação com turnês que tenham participações de artistas locais ou criação de obras inéditas através desse intercâmbio. Esta categoria será válida apenas no edital nacional.


Nas outras duas categorias, ‘Novos Trabalhos e Circulação’ e ‘Programação ao Vivo’, podem ser inscritas propostas de diversas naturezas. Vale inscrever produção e lançamento de novos trabalhos como: álbuns, clipes, turnês, além de projetos de circulação e programação que fomentem a experiência presencial de música ao vivo em casas de shows, festivais, mostras, residências e instituições culturais.


De acordo com Fernanda Paiva, Head of Global Cultural Branding da Natura, a empresa pretende expandir e renovar a rede de artistas que projetam a cultura brasileira para outros países. Além disso, também há o interesse de impulsionar experiências ao vivo.


“Esse ano, estamos avançando mais um passo no nosso compromisso de valorização da música brasileira. Acompanhando a expansão da marca para novos territórios, queremos expandir e renovar a nossa rede de artistas que projetam a nossa cultura para outros territórios”, explica Fernanda Paiva. “Além disso, continuaremos fomentando a pluralidade do que está sendo produzido artisticamente por aqui e vamos intencionalmente incentivar as experiências ao vivo — sejam turnês, programações, festivais, tão importantes para movimentar a economia da cultura e formar e expandir plateias”, complementa.


Os projetos serão avaliados por um grupo de curadores formado por artistas, produtores, jornalistas, empreendedores e profissionais de diferentes origens e trajetórias no mercado musical. Eles serão analisados individualmente e coletivamente, com base nos critérios de relevância musical — a partir da autenticidade de suas linguagens, das narrativas e impacto na cena, da sua capacidade de mobilização, de trazer frescor para a cena, do compromisso com o impacto positivo, além do potencial de conexão com outras redes e públicos. Os detalhes podem ser consultados no regulamento do Edital, clique aqui.


Com 17 anos de existência, a plataforma cultural disponibilizará R$ 6 milhões para a edição 2022, sendo R$ 2 milhões para projetos em âmbito nacional e de conexões com outros países, R$ 1 milhão para Minas Gerais (via Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais – LEIC), R$ 1 milhão para Bahia (via Lei FazCultura), R$ 1 milhão para o Pará (via Lei Semear) e R$ 1 milhão para o Rio Grande do Sul (via Lei Pró-Cultura).


Neste ano, a Natura Musical reafirma seu compromisso com a região Amazônica, com investimentos de 20% da verba do Edital Nacional, voltados para iniciativas na região, além do R$ 1 milhão destinado ao Pará com a Lei Semear.


Edital Natura Musical 2022: O histórico da plataforma cultural

Desde 2005, a Natura Musical, plataforma cultural da Natura, já investiu mais de R$184 milhões em 600 artistas e projetos em todo o Brasil. Assim, promovendo experiências musicais que revelam a pluralidade da cultura nacional.


Em 2021, a plataforma fomentou mais de 100 projetos artísticos, lançando 280 produtos culturais, entre novos álbuns, EPs, álbuns visuais, lives, festivais, projetos de capacitação e desenvolvimento do mercado cultural.


Artistas da nova geração como Linn da Quebrada, Emicida, Rico Dalasam, Letrux, Tuyo, entre outros, já foram patrocinados pela plataforma. Ao mesmo tempo, a Natura Musical também apoia projetos de ícones da música brasileira, como por exemplo, João Donato, com “Serotonina”, Elza Soares, com “A Mulher do Fim do Mundo” e Dona Onete, com “Rebujo”.


A Natura Musical expandiu a sua atuação, em 2017, inaugurando a Casa Natura Musical. Em cinco anos de atuação, já passaram pelo palco mais de 500 artistas, que representam toda a diversidade da música brasileira, com um público de mais de 250 mil pessoas.


Além disso, a plataforma cultural expandiu a frente de parcerias com festivais espalhados pelo país, como Festival Coquetel Molotov (PE), Coala Festival (SP), Sarará (MG) e Timbre (MG).


A plataforma também lançou, em 2021, seu primeiro podcast “Nos Encontramos na Música”. O programa traz convidados para falar sobre diversidade, ancestralidade, empoderamento, comunidade e discutir o papel fundamental da cultura na construção de um mundo bonito, sustentável, igualitário e inclusivo. A apresentação é da jornalista Sarah Oliveira.


Inscrições abertas: de 17/8 até 9/9 (até às 17h, pontualmente), acesse aqui .







10 visualizações0 comentário