Após 10 anos, Rio de Janeiro terá novo autódromo

Projeto do empreendimento foi apresentado para autoridades, imprensa local e parceiros estratégicos na última quinta-feira , dia 11/08/22

Desde 2012 sem um autódromo o Estado do Rio de Janeiro agora tem um projeto real para voltar a ter um circuito, mais do que isso, ter um Motor Park com várias pistas off road, um kartódromo, espaço para eventos além do circuito oficial para provas de automobilismo e motociclismo.

O antigo Autódromo de Jacarepagua, demolido, deu lugar ao Parque Olímpico do Rio de Janeiro


Situado na cidade de Itatiaia, distante 180 km da capital do estado e a 230 km da cidade de São Paulo, o Motor Park Itatiaia será construído pela iniciativa privada num terreno de 770.000 m². A entrada do complexo está situada a apenas a 600 metros da Rodovia Presidente Dutra, a mais importante ligação entre RJ e SP, e a 2 km do Itatiaia Resort, o maior e mais sofisticado empreendimento hoteleiro da região.


Para situar melhor a localização da área do empreendimento basta dizer que ele está atrás da fábrica da Michelin na pista em direção a São Paulo da Via Dutra. Itatiaia é um importante polo de turismo do Estado do Rio de Janeiro com aproximadamente 6.000 vagas em hotéis, pousadas e similares. Destaque para o distrito de Penedo que é palco de um dos maiores encontros anuais de motociclistas do estado.

O projeto Itatiaia Motor Park está sendo desenvolvido por um grupo de empresas privadas, tendo seu projeto básico estruturado pela GEO Consultoria junto com a Zoe Engenharia, com investimento capitaneado pelo Grupo Hoteleiro Agulhas Negras. Numa primeira fase serão investidos R$25 milhões, mas o total deve chegar a aproximadamente R$80 milhões com geração de 520 empregos diretos na operação plena e mais 2.500 indiretos.


A concepção do projeto é de João Mendes, ex-piloto de várias modalidades do motociclismo e do automobilismo de competição, jornalista especializado no assunto há 45 anos e também arquiteto urbanista. Outro ex-piloto do automobilismo, Julio Caio Azevedo Marques, considerado o melhor do Brasil em duas oportunidades na década de 1970, será Diretor Esportivo. Julio Caio organizou várias provas de Fórmula 1 no Rio de Janeiro, São Paulo e no exterior, organizou as primeiras provas do Mundial de Motovelocidade em Goiânia – GO e a Fórmula Indy no Rio de Janeiro entre tantos outros eventos. Também participam a MC Invest Asset com a assessoria financeira, escritório Barata Fernandes Rocha com assessoria jurídica e Karin Köhler Arquitetura e Design no desenvolvimento do projeto.

Já são parceiros do projeto o Itatiaia Resort & Eventos, a rede de autopostos rodoviários Graal com três unidades na região e a rede de Supermercados Royal com 11 unidades.


Pensando num futuro próximo o empreendimento terá usina de energia fotovoltaica e uma mega estação de recarga para veículos elétricos para atender principalmente os veículos que passam na Via Dutra. O Itatiaia Motor Park também fará reaproveitamento da água da chuva, terá coleta de lixo seletiva e outras ações visando a sustentabilidade.

Numa primeira etapa o investimento previsto aproximado é de R$70 milhões para as obras de infraestrutura e montagem dos circuitos para as corridas das diversas modalidades previstas. O prazo de conclusão da primeira etapa é de 18 meses a contar de agosto de 2022.


Para o espaço de eventos já estão programados dois festivais culturais, ainda em 2022, um na Primavera e outro no Natal. Algumas estruturas montadas para estes festivais se tornarão definitivas. Também previsto para o segundo semestre de 2022 torneio de motocross e velocross inaugurando o complexo de pistas off road. Na sequência será realizado um evento exclusivo para UTVs (Utility Task Vehicle) categoria off road que cresce de forma expressiva no Brasil.


Além das competições a intenção é ocupar o Itatiaia Motor Park durante todo ano com eventos de lançamento de veículos, produtos, os track days, onde qualquer pessoa pode levar seu carro para andar na pista com segurança, encontros de antigomobilismo, de Motociclistas e de todas as tribos do setor. Todas as pistas serão disponibilizadas para cursos de pilotagem, direção defensiva e evasiva, aperfeiçoamento e treinamento especial para policiais, entre outras.

Todas as pistas para as competições serão homologadas por estes órgãos e a pista do autódromo será Nível 3 da FIA – Federação Internacional de Automobilismo, podendo receber provas de todos os campeonatos Brasileiros, Sul Americanos entre outras categorias internacionais. O kartódromo, com várias possibilidades de traçado, também será construído e homologado pela FIA.


A realização do Itatiaia Motor Park vai de encontro as necessidades dos esportes a motor do Estado do Rio de Janeiro e colocará a cidade de Itatiaia no mapa das competições nacionais e internacionais impulsionando o esporte, o turismo e o comércio na região.

(E/D) Márcio Costa, relações institucionais do Itatiaia Motor Park, Evandro Feu, pres. FEMERJ, Julio Caio – diretor esportivo do empreendimento, João Mendes criador do conceito e sócio do empreendimento do Itatiaia Motor Park, Irineu Nogueira prefeito, Denílson Sampaio, vice prefeito e secretário de turismo, Djalma Neves, presidente FAERJ e Sônia Barbosa da secretaria de esportes.

FONTE/FOTO: VGCOM Itatiaia Motor Park




19 visualizações0 comentário